Pular para o conteúdo

BOLETIM DA RECEITA ESTADUAL - IMPACTOS DA COVID-19

O Boletim da Receita Estadual considera informações extraídas dos sistemas informatizados da Sefaz, com base nos dados dos Documentos Fiscais eletrônicos emitidos diariamente e outras informações fiscais. Os documentos fiscais são as Notas Fiscais Eletrônicas (NF-e); Nota Fiscal de Consumidor eletrônica (NFC-e) e Conhecimento de Transporte (CT-e).

É importante ressaltar que podem existir distorções por outros eventos sazonais não considerados. 

Boletins

Edição especial nº 01 - Nessa edição considerou-se a média de faturamento diário de janeiro e fevereiro de 2020 em contraste com faturamento diário registrado de 16/03 a 03/04.

Edição especial nº 02 - Versão completa / Versão resumidaNessa edição considerou-se a média de faturamento diário de janeiro e fevereiro de 2020 em contraste com faturamento diário registrado de 16/03 a 10/04.

Edição especial nº 03 - Nessa edição considerou-se a média de faturamento diário de janeiro e fevereiro 2020 em contraste com faturamento diário registrado de 16/03 a 17/04.

Edição especial nº 04 - Nessa edição considerou-se a média de faturamento diário de janeiro e fevereiro de 2020 em contraste com o faturamento diário registrado de 16/03 a 24/04.

Edição especial nº 05 - Nessa edição considerou-se a média de faturamento diário de janeiro e fevereiro de 2020 em contraste com o faturamento diário registrado de 16/03 a 01/05.

Edição especial nº 06 - Nessa edição considerou-se a média de faturamento diário de janeiro e fevereiro de 2020 em contraste com o faturamento diário registrado de 16/03 a 08/05.

Edição especial nº 07 - Nessa edição considerou-se a média de faturamento diário de janeiro e fevereiro de 2020 em contraste com o faturamento diário registrado de 16/03 a 15/05.

Edição especial nº 08 - Nessa edição considerou-se a média de faturamento diário de janeiro e fevereiro de 2020 em contraste com o faturamento diário registrado de 16/03 a 22/05.

Edição especial nº 09 - Nessa edição considerou-se a média de faturamento diário de janeiro e fevereiro de 2020 em contraste com o faturamento diário registrado de 16/03 a 29/05.


Edição especial nº 10 - Nessa edição considerou-se a média de faturamento diário de janeiro e fevereiro de 2020 em contraste com o faturamento diário registrado de 16/03 a 05/06.

Edição especial nº 11 - Nessa edição considerou-se a média de faturamento diário de janeiro e fevereiro de 2020 em contraste com o faturamento diário registrado de 16/03 a 12/06.

Edição especial nº 12 - Nessa edição considerou-se a média de faturamento diário de janeiro e fevereiro de 2020 em contraste com o faturamento diário registrado de 16/03 a 19/06.

Edição especial nº 13 - Nessa edição considerou-se a média de faturamento diário de janeiro e fevereiro de 2020 em contraste com o faturamento diário registrado de 16/03 a 26/06.

Edição especial nº 14 - Nessa edição considerou-se a média de faturamento diário de janeiro e fevereiro de 2020 em contraste com o faturamento diário registrado de 16/03 a 03/07.

Edição especial nº 15 - Nessa edição considerou-se a média de faturamento diário de janeiro e fevereiro de 2020 em contraste com o faturamento diário registrado de 16/03 a 10/07.

Edição especial nº 16 - Nessa edição considerou-se a média de faturamento diário de janeiro e fevereiro de 2020 em contraste com o faturamento diário registrado de 16/03 a 17/07.

Edição especial nº 17 - Nessa edição considerou-se a média de faturamento diário de janeiro e fevereiro de 2020 em contraste com o faturamento diário registrado de 16/03 a 24/07.

Edição especial nº 18 - Nessa edição considerou-se a média de faturamento diário de janeiro e fevereiro de 2020 em contraste com o faturamento diário registrado de 16/03 a 31/07.

Edição especial nº 19 - Nessa edição considerou-se a média de faturamento diário de janeiro e fevereiro de 2020 em contraste com o faturamento diário registrado de 16/03 a 09/08.

Edição especial nº 20 - Nessa edição considerou-se a média de faturamento diário de janeiro e fevereiro de 2020 em contraste com o faturamento diário registrado de 16/03 a 16/08.

Edição especial nº 22 - Nessa edição considerou-se a média de faturamento diário de janeiro e fevereiro de 2020 em contraste com o faturamento diário registrado de 16/03 a 30/08.

Edição especial nº 23 - Nessa edição considerou-se a média de faturamento diário de janeiro e fevereiro de 2020 em contraste com o faturamento diário registrado de 31/08 a 06/09.

Edição especial nº 24 - Nessa edição considerou-se a média de faturamento diário de janeiro e fevereiro de 2020 em contraste com o faturamento diário registrado de 31/08 a 13/09.

Edição especial nº 25 - Nessa edição considerou-se a média de faturamento diário de janeiro e fevereiro de 2020 em contraste com o faturamento diário registrado de 31/08 a 20/09.

Edição especial nº 26 - Nessa edição considerou-se a média de faturamento diário de janeiro e fevereiro de 2020 em contraste com o faturamento diário registrado de 31/08 a 27/09.

ANÁLISE DA RECEITA PÚBLICA
 

Elaborada pela Unidade de Política Tributária Estadual (UPTE), a Análise da Receita visa avaliar a evolução bimestral da Receita Pública Total. 
É possível visualizar as séries históricas do ICMS (em valores nominais e corrigidos) para os dezesseis segmentos da economia mato-grossense, bem como informações sobre faturamento, eficácia da tributação, alíquotas médias de ICMS, créditos e estimativas de evasão fiscal. São apresentados, também, quadros sintéticos comparativos com IPVA, ITCD, Taxas e Transferências Constitucionais. 
Esta análise está desdobrada em Relatórios e Seminários. Nos relatórios as informações estão em formato analítico, enquanto os seminários são apresentações de conteúdo sintético.

Relatórios Seminários

2018
2017
2016
2015
2014
2013
2012
2011
2010
2009
2008
2007
2006
2005
2004
2003
2002

2018
2017
2016
2015
2014
2013
2012
2011
2010
2009
2008
2007
2006
2005
2004
2003
2002