Pular para o conteúdo

Governo do Estado estabelece novas medidas para reduzir despesas

Por Por Walmir Santana

Trata-se de um pacote contendo medidas de austeridade para conter e reduzir as despesas no âmbito do Executivo. A medida foi anunciada nesta sexta-feira (03.11)./ As ações constam em dois decretos e visam fazer frente à frustração da receita pública registrada este ano./

O governador Pedro Taques ressalta que a mesma medida também foi aplicada em 2016, e resultaram na economia de R$ 1 bilhão.//

Sonora – Pedro Taques

Segundo o secretário de Estado de Fazenda, Gustavo de Oliveira, no período entre janeiro e setembro a frustração já alcançou R$ 1,7 bilhão, o que representa 10% a menos em relação ao valor previsto na Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2017.

Sonora – Gustavo de Oliveira

Conforme o decreto fica determinada a redução no consumo de água, energia elétrica, aluguéis, limpeza e de outras despesas consideradas essenciais./ Para as despesas como pagamento de horas extras e deslocamentos com pessoal, a economia deverá ser de 30%./ Já a economia no uso de telefonia deve ser de 25%.//

A medida visa, ainda, a suspensão da reestruturação ou revisão de planos de cargos, carreiras e salariais, bem como o afastamento de servidores, para realização de cursos e que demandem substituição.//

O governo assegura que as medidas não alteram a áreas prioritárias como: saúde, educação e segurança pública.// 

Gustavo de Oliveira explica que faltam cerca de R$ 800 milhões no caixa do Executivo para fechar o ano.//

Sonora – Gustavo de Oliveira

Quanto ao possível escalonamento do pagamento dos salários do pessoal da ativa do Executivo, o governador Pedro Taques afirma que a medida ainda não está definida.//

Sonora – Pedro Taques