Pular para o conteúdo
Voltar

Governo de MT encerra 2020 com R$ 3 bilhões em créditos recuperados após ações de combate à sonegação fiscal

Por Por Igor Gabriel

A Secretaria de Estado de Fazenda (Sefaz), por meio da Superintendência de Fiscalização (Sufis), encerrou 2020 com cerca de 3 bilhões de reais em créditos constituídos, através de 3 mil 250 operações executadas no combate à sonegação fiscal.//

A Coordenadoria de Fiscalização da Indústria e Agronegócio (CFIA), realizou um total de 850 auditorias fiscais chegando ao valor de aproximadamente 980 milhões de reais em autuações./ Já a Coordenadoria de Fiscalização de Combustível, Comércio e Serviços (CFCS), executou no ano passado cerca de 400 auditorias que resultaram na recuperação de mais de 880 milhões de reais.//

A Coordenadoria de Fiscalização de Comércio Exterior, Incentivos Fiscais e Regimes Especiais (CCIR), executou 68 ações fiscais, que resultaram em mais de 990 milhões de reais constituídos./ O trabalho da Coordenadoria do IPVA, ITCD e outras Receitas Públicas, durante o ano de 2020 constituiu e registrou mais de mil e 900 lançamentos com valor de aproximadamente 64 milhões de reais.//

O secretário adjunto da Receita Pública da Sefaz, em exercício, Vinicius José Simioni Silva, ressaltou quais os alvos prioritários dessa fiscalização./ Ele destacou ainda que esses alvos são os atos ilegais mais praticados no estado, gerando danos ao processo tributário.//

Sonora: Vinicius José Simioni Silva

De acordo com o secretário, a unificação dos órgãos de controle e ação fiscal, será essencial para o trabalho no ano de 2021, onde o intuito é dar segurança ao contribuinte mato-grossense.//

Sonora: Vinicius José Simioni Silva

Segundo a Sefaz, o objetivo é reprimir os ilícitos fiscais e defender a ordem econômica e tributária do Estado neste ano.//